Em Brasília, participei  na Câmara Federal, da abertura dos trabalhos da Frente Parlamentar em Defesa dos Direitos dos Animais.
Foram discutidos temas importantes como a importância de políticas públicas objetivas para a defesa dos direitos dos animais, ações efetivas para 2013, dentre outros.
Fiz a sugestão de um programa de educação e ética animal nas escolas.
No curto prazo defendendo a maior luta que entendo: a penalização de quatro anos para aqueles que praticarem maus tratos, abandono e crueldade – e multa pesada.
Tenho plena convicção de que somente a perspectiva de cadeia e a “dor no bolso” podem melhorar este quadro de terror contra os animais.

Acredito que iniciamos a corrente brasileira contra os maus tratos.
No meu discurso, fiz inicialmente três sugestões para A Frente Parlamentar do Congresso Nacional em Defesa dos Direitos dos Animais:
1ª) Implantação de um projeto escolar nacional de amor e respeito aos animais.
2ª) Luta pela adoção da pena de quatro anos para os maus tratos, acompanhada de multa de relevante valor.
3ª) Ações (como vistorias, blitzs, fiscalizações) para causar constrangimentos aos insensatos que praticam crueldades.

O Deputado Ricardo Izar (SP) é o timoneiro destas ações

Na ocasião, ive o prazer de conhecer o Cacique Amaju Sepeti, que fez um discurso belíssimo defendendo a natureza e criticando a destruição provocada pelo homem.

Ainda em Brasília, conheci a Jornalista Silvana Andrade, Presidente da Agência de Notícias de Direitos Animais, que se colocou à disposição para apoiar a CPDA/OAB-RJ, divulgando nossas futuras ações.
A ANDA difunde na mídia os valores de uma nova cultura, mais ética, mais justa e preocupada com a defesa e a garantia dos direitos animais. É o primeiro portal jornalístico do mundo voltado exclusivamente a fatos e informações do universo animal.
A Agência é considerada o maior portal de notícias sobre animais no mundo inteiro.

Em 19/3/2017.