Um canil clandestino no Grajaú, na Zona Norte do Rio, foi desmantelado nesta quarta-feira. No local, havia 50 cães, um jabuti e cinco pássaros silvestres, informou a assessoria de imprensa da Polícia Civil em um comunicado. O caso foi registrado como crime da Lei Ambiental na Delegacia de Proteção ao Meio Ambiente (DPMA).

O presidente da Comissão de Proteção e Defesa dos Animais da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) no Rio, Reynaldo Velloso, postou em seu perfil do Facebook vídeos que mostram a situação degradante na qual se encontravam os bichos. Ele classificou o ambiente como “canil do terror”, frisando que as condições eram muito insalubres. Velloso disse ainda que a proprietária recebeu voz de prisão e os animais foram resgatados.

Os cachorros foram encontrados em estado de maus tratos e serão encaminhados para abrigos. Já os animais silvestres serão levados para o Centro de Triagem de Animais Silvestres (CETAS), em Seropédica, na região metropolitana do Rio.

A ação também contou com a participação da Prefeitura, do Centro de Controle de Zoonose e da Comissão de Proteção e Defesa dos Animais.

Interessados em doarem ração e medicamento podem deixar os itens na clínica Vet Angel’s, na Avenida das Américas nº 16.401, no Recreio dos Bandeirantes, Zona Oeste da cidade.

Fonte: Jornal Extra  –  14/8/2019.

Disponível em: https://extra.globo.com/casos-de-policia/animais-sao-encontrados-em-condicoes-insalubres-em-canil-do-terror-no-grajau-23876995.html