A Biodiversidade é constituída por toda forma de vida existente na biosfera.

O direito ecologicamente equilibrado implica o direito à vida e possui previsão constitucional, estando portanto ligado aos direitos fundamentais (art. 225, §1°, II, IV, e V) e constitui um dos princípios do Estado Democrático de Direito, previsto no art.1°, III da Constituição Federal.

Devemos preservar a Biodiversidade mundial.

Nesta linha de ação, a União Internacional para a Conservação da Natureza (UICN) informou que as populações de baleias e gorilas-das-montanhas, antes sob perigo de extinção, cresceram nos últimos anos, graças aos esforços contra a caça das espécies.

Entre as baleias, a baleia-comum saiu da categoria ‘espécie em risco’ para ‘vulnerável, já que a população mundial quase dobrou desde 1970, quando as restrições à caça foram estabelecidas pelos órgãos internacionais de proteção aos animais.

Os gorilas-das-montanhas passaram de ‘perigo crítico’ para ‘em perigo’, graças à vigilância contra a caça. Em 2008 existiam 680 seres vivos dessa espécie. Dez anos depois, o número supera mil, a maior marca já registrada.

No entanto, entre as 96,9 mil espécies analisada pela UICN, 26,8 estão em ‘ameaça de extinção’, o que reforça a importância de preservar a biodiversidade mundial antes que seja tarde demais.

Fonte: Revista ISTO É  –  15/11/2018.

Disponível em: https://istoe.com.br/populacoes-de-baleias-e-gorilas-das-montanhas-registram-aumento-2/?fbclid=IwAR2ZbAbPuS1D5WduPkbTUQ3_atJmtjEEmLGeS8krANR4wJV9_J1N6flDsmQ