Não se pode confundir o barulho inerente ao convívio social com aquele que perturba, tira o sossego e a tranquilidade do ambiente.
O horário para a realização de obras em condomínios normalmente é disciplinado em Convenção, porém, caso ela seja omissa e não haja regulamentação, poderá o morador que se sentir incomodado solicitar a diminuição ou cessação do incômodo e, não havendo solução administrativa, propor medida judicial com base no Direito da Vizinhança, previsto no art.1.277 do Código Civil.
Vejam detalhes de como proceder em: www.condominioemdebate.blogspot.com.br